Código: 1082

Políticas públicas para o audiovisual

Bookmark and Share

Referência: 9788579 394362


Por:
R$ 48,00

ou 3x sem Tarifa de R$ 16,00
 
Simulador de Frete
- Calcular frete

Políticas públicas para o audiovisual
O caso ANCINAV

 

Em Políticas Públicas para o Audiovisual: o caso Ancinav,  a pesquisadora Marina Rossato Fernandes analisa a criação da Agência Nacional do Cinema e do Audiovisual (Ancinav).

A proposta de criação da Agência Nacional do Cinema e Audiovisual (Ancinav), apresentada em 2004, coloca em evidencia as características do setor cinematográfico no Brasil, cujo desenvolvimento é marcado pela relação com o Estado e por conflitos de grupos do próprio setor.

O livro apresenta a trajetória do anteprojeto de criação da Ancinav no contexto do desenvolvimento de políticas públicas para o audiovisual no Brasil. São analisadas as medidas propostas e seus objetivos, assim como as consequências que tais medidas poderiam trazer ao setor caso fossem aprovadas. É destacada a polêmica gerada em torno do anteprojeto e a divisão de opiniões no meio audiovisual, onde são identificados os atores e interesses de cada grupo.

A autora refaz a trajetória das tramitações e versões do anteprojeto, destacando as motivações que levaram às propostas de mudança e, por fim, ao revés do anteprojeto. O livro apresenta os desdobramentos da proposta e as contribuições que a Ancinav trouxe para o audiovisual nacional.

Desta forma, a obra evidencia a complexidade da relação com o Estado, os limites de sua atuação e ajuda a compreender o desenvolvimento de políticas públicas para o setor.

Sobre a autora: Marina Rossato Fernandes é Mestre em Imagem e Som pela Universidade Federal de São Carlos (UFSCar). Realizou estágio de pesquisa no Département Cinéma et Audiovisuel da Université Sorbonne Nouvelle Paris 3, é bacharel em Imagem e Som pela UFSCar e produtora audiovisual.

Deixe seu comentário e sua avaliação


Características