Memórias da escravidão em mundos ibero-americanos, org. de Isnara Pereira Ivo, Roberto Guedes

Memórias da escravidão em mundos ibero-americanos, org. de Isnara Pereira Ivo, Roberto Guedes

Marca: Alameda Modelo: 2020 Referência: 9788579396304

Características


  • Páginas: 254 páginas
  • Medida: Altura: 01cm, Largura: 16cm, Comprimento: 23cm
  • Peso: 400 gramas

Não disponível

Enviar
Avise-me quando estiver disponível

Memórias da escravidão em mundos ibero-americanos (Séculos XVI-XXI) marca um percurso de diálogos historiográficos estabelecidos no grupo de pesquisa “Escravidão e Mestiçagens: memórias, comércios, conexões e trânsitos culturais no Novo Mundo”, que, no decorrer dos últimos doze anos, vêm fomentando debates em congressos e seminários que envolvem vários especialistas do Brasil e do exterior.

A escravidão nas sociedades ibero-americanas, sob a ótica da conformação das hierarquias sociais em estruturas de antigo regime, assim como em suas experiências de mestiçagens biológicas e culturais, tem sido o objeto de pesquisas alimentadas por intensos intercâmbios acadêmicos.
A partir de pesquisas com distintos recortes temáticos e metodológicos alicerçadas, igualmente, numa extensa variedade de fontes de pesquisa, a memória da escravidão é revisitada em vários aspectos, sejam pelos esquecimentos voluntários ou pelas lembranças construídas, ambos com marcas indeléveis nos planos culturais, políticos, econômicos e sociais.
O livro contribui com novas questões conceituais, interpretativas que estimulem outras reflexões. De antemão, salienta-se que as dinâmicas da construção de memórias não são estáticas, mas criadas por historiadores, outros cientistas sociais e por agentes sociais múltiplos em diferentes contextos. Tais dinâmicas foram e são influenciadas pelo presente de ontem e pelo presente de hoje.


Sobre os organizadores: Isnara Pereira Ivo é professora Titular do curso de licenciatura em História da UESB/Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia, é membro do Programa de Pós-Graduação em Ensino da UESB e do Mestrado Profissional em História. Entre outras publicações, é autora do livro O anjo da morte contra o santo lenho: poder, vingança e cotidiano no sertão da Bahia. (2ª edição. Vitória da Conquista: Edições Uesb, 2017) e do livro Homens de Caminho: trânsitos culturais, comércio e cores nos sertões da América portuguesa. Século XVIII. (Vitória da Conquista: Edições Uesb, 2012). Coorganizadora da coleção de Livros do Grupos de Estudos Escravidão e Mestiçagens: Escravidão, mestiçagem e histórias comparadas (2008), Escravidão e mestiçagens: populações e identidades culturais (2010), Escravidão e mestiçagens, ambientes, paisagens e espaços (2011), Religiões e religiosidades, escravidão e mestiçagens (2016), Dinâmicas de mestiçagens no mundo moderno: sociedades, culturas e trabalho (2016).


Roberto Guedes é professor associado do curso de licenciatura em História da UFRRJ (IM) e membro do Programa de Pós-Graduação em História Social da UFRJ. Entre outras publicações, é autor/coorganizador de Egressos do cativeiro: trabalho, família, aliança e mobilidade social (Porto Feliz, São Paulo, c-1798-c1850), História social em registros paroquiais (Sul-Sudeste do Brasil, séculos XVIII-XIX); Últimas vontades: testamento, sociedade e cultura na América ibérica (séculos XVII e XVIII) e Doze capítulos sobre escravizar gente e governar escravos: Brasil e Angola - século XVII-XIX.

Deixe seu comentário e sua avaliação







- Máximo de 512 caracteres.

Clique para Avaliar


  • Avaliação:
Enviar
Faça seu login e comente.

Características


  • Páginas: 254 páginas
  • Medida: Altura: 01cm, Largura: 16cm, Comprimento: 23cm
  • Peso: 400 gramas

Confira os produtos