Código: 766

O ofício da liberdade

Bookmark and Share

Referência: 9788579392542


Por:
R$ 42,00

ou 3x sem Tarifa de R$ 14,00
 
Simulador de Frete
- Calcular frete

Para comprar a alforria de seu filho Paulo, de dez anos, a liberta Maria assumiu dívidas e o risco de pagá-las com a prestação de serviços indefinidos, por tempo indeterminado. Benedicta e Caciano igualmente entregaram seu trabalho para a compra da liberdade de Roza, respectivamente sua filha e companheira. Cazemiro, passando já dos 60 anos, custeava sozinho o preço de sua libertação ao prestar serviços “compatíveis com sua idade”.

Assentadas no território movediço dos limites entre liberdade e escravidão no século XIX, as histórias de Maria e Paulo, Cazemiro, Benedicta, Roza e Caciano não foram únicas e tampouco raras. Muitos outros homens e mulheres escravizados angariaram o apoio de família e amigos, empenharam economias e dedicaram anos de árduo trabalho para comprar alforrias por meio da prestação de serviços.

Nascido de uma pesquisa de mestrado, O ofício da liberdade investiga arranjos de trabalho e disputas por liberdade ao analisar contratos de locação de serviços nas cidades de São Paulo e Campinas entre 1830 e 1888. Ao mesmo tempo sucintos e complexos, estes contratos estiveram no centro de negociações e conflitos entre a camada senhorial e os trabalhadores determinados a realizar seus projetos de liberdade. Valendo-se também da análise de Ações de Liberdade e Cartas de Liberdade, o livro busca interpelar os sentidos das emancipações construídas por estes trabalhadores libertandos.

Duas faces da emancipação escrava estampam as páginas deste trabalho. De um lado, a inserção dos contratos de locação de serviços na lógica das alforrias compensatórias produzidas ao longo do século XIX, proporcionando a continuidade do domínio escravista e da exploração do trabalho dos egressos da escravidão no pós-emancipação. De outro, as lutas e a determinação de homens e mulheres escravizados a caminho da liberdade.

 

 

Marília Bueno de Araújo Ariza é doutoranda do Programa de Pós-Graduação em História Social da Universidade de São Paulo, onde desenvolve pesquisa a respeito de Ações de Liberdade, trabalho e relações sociais na província de São Paulo nas décadas finais da escravidão. Na mesma instituição graduou-se em 2007 e obteve o título de mestre em 2012 com a dissertação ora publicada. 

Deixe seu comentário e sua avaliação


Características