Flávio de Carvalho, org. de Larissa Costa da Mata

Flávio de Carvalho, org. de Larissa Costa da Mata

Marca: Alameda Modelo: 2020 Referência: 9786586081053

Características


  • Medida: Altura: 01cm, Largura: 14cm, Comprimento: 21cm
  • Páginas: 316 páginas
  • Peso: 450 gramas

Por:
R$ 66,00

ou 3x de R$ 22,88 com juros

“O berço da força poética”

Um espectro rondou e ronda o planalto de Piratininga, algumas de suas várzeas, seus arquivos e sua oligarquia do Espírito, missionária desde 1932: o espectro de Flávio de Carvalho.
Como que se condoendo da procissão ameaçada e analisada um ano antes, na Experiência n. 2, papas e cardeais – então em ascensão e depois no comando da santa
casa grande da cultura e da academia bandeirante – orientavam e orientam seu séquito de fiéis a ignorar (quando não destruir) o espectro, rasurar-lhe as aparições, reduzi-lo ao idiossincrático, ao episódico, ao extravagante e ao anedótico, para que beatos e cânones
de uma oximoresca vanguarda nacional-edificante fossem e sejam estabelecidos e venerados.
Mas não se destrói ou se silencia um espectro, sobretudo um espectro impetuoso (e também ubíquo), que emerge cada vez mais incontornável de restos materiais cuja simples existência inviabiliza a história oficial da modernidade artística do século XX brasileiro; são ossos do mundo brevemente, ainda fetiches para um futuro totem – é o que diria o espectro sobre os ossos por meio dos quais ele pode ser psicoetnografado
e ativado.
Por isso tudo, esta coletânea de ensaios, resíduo de um evento acadêmico a propósito de tais ossos, vem a público substituir o espectro de Flávio de Carvalho por mais espectros de Flávio de Carvalho. A hora errada enfim chegou: gênios do deserto do mundo, uni-vos!

Sobre a organizadora: Larissa Costa da Mata é doutora em teoria literária pela Universidade Federal de Santa Catarina – com tese sobre Flávio de Carvalho, o modernismo brasileiro e o primitivismo vanguardista – e realizou o seu pós-doutorado junto à Universidade de São Paulo. Atuou como professora visitante de português na Universidade de Leiden, Holanda, e como leitora de estudos brasileiros na Universidade de Pequim, na China. Colaborou com o livro Conversas, diferenças, organizado por Júlia Studart (2010), e com o catálogo Flávio de Carvalho Expedicionário (2017), da exposição
de curadoria de Renato Rezende e Amanda Bonan.

 

 

 

Deixe seu comentário e sua avaliação







- Máximo de 512 caracteres.

Clique para Avaliar


  • Avaliação:
Enviar
Faça seu login e comente.

Características


  • Medida: Altura: 01cm, Largura: 14cm, Comprimento: 21cm
  • Páginas: 316 páginas
  • Peso: 450 gramas

Confira os produtos