A Cozinha Futurista de F. T. Marinetti e Fillia

A Cozinha Futurista de F. T. Marinetti e Fillia

Marca: Alameda Referência: 978-85-7939-014-2

  • Medida: Altura Selecionar Altura: 01cm, Largura: 10cm, Comprimento: 21cm
  • Páginas: 283
  • Peso: 500 gramas

Por:
R$ 54,00

R$ 51,30 à vista com desconto Pix - Yapay
ou 3x de R$ 18,72 com juros
Simulador de Frete
- Calcular frete

A Cozinha Futurista

As contradições de um receituário Futurista
 
Esta obra oferece aos leitores de língua portuguesa a oportunidade de entrar no espaço surpreendente da “cozinha futurista” e ali encontrar-se com os mais variados ingredientes que ligam a gastronomia com as artes, com a literatura, com a política e com a cultura. Nesse livro, o leitor irá interagir com um século de manifestações e de movimentos intelectuais no ocidente, como “futurismo” de Marinetti, autor do livro, que propõe mudanças, cujas intenções alcançam inovações na linguagem, nas formas, no comportamento além da presença dos textos do receituário futurista traduzidos para o português.
 
A cozinha Futurista” nos revela as contradições das propostas de Marinetti. Na análise de Maria Lúcia Mancinelli as relações entre as ideias provocadores do Futurismo e as circunstâncias culturais em que foram formuladas a partir do Manifesto do Futurismo. Maria Lúcia Mancinelli nos mostra que, apesar dos princípios de caráter universal que Marinetti pretendia divulgar pela Europa e América, sua ambição principal era “a de transformar a cultura e a literatura italiana”. Marinetti achava que o homem italiano era “mole”, “preguiçoso” por causa do macarrão e propunha uma culinária vigorosa, sexual, forte – muitas vezes intragável.
 
O Modernismo brasileiro teve um espaço especial nesse minucioso estudo que busca mostrar as convergências e muitas divergências com o Futurismo italiano, em que o fio condutor da relação desses movimentos passou muitas vezes também pela gastronomia. A influência de Marinetti sobre as literaturas modernas torna a publicação desta obra uma contribuição valiosa para os estudos das vanguardas do início do século XX e sua leitura é uma experiência prazerosa para o intelecto e para os sentidos. O livro oferece aos interessados em literatura, em cultura brasileira e italiana, em história contemporânea e história da gastronomia, um trabalho de notável qualidade que a memória não esquece.   
 
Sobre os autores:
 
                     Maria Lucia Mancinelli é mestre em Literatura Italiana pela Universidade de São Paulo. Atualmente mora em Londres, onde está preparando sua tese de doutorado em Filologia e Língua Portuguesa, também pela Universidade de São Paulo.
 
                        Filippo Tommaso Marinetti (Alexandria, 22 de dezembro de 1876 — Bellagio, 2 de dezembro de 1944) foi um escritor, poeta, editor, ideólogo, jornalista e ativista político italiano. Foi o fundador do movimento futurista, cujo manifesto foi publicado no jornal parisiense Le Figaro, em 20 de fevereiro de 1909.
                                                                      

 

Deixe seu comentário e sua avaliação







- Máximo de 512 caracteres.

Clique para Avaliar


  • Avaliação:
Enviar
Faça seu login e comente.
  • Medida: Altura Selecionar Altura: 01cm, Largura: 10cm, Comprimento: 21cm
  • Páginas: 283
  • Peso: 500 gramas

Confira os produtos