O peso e a mídia, de Agnes Arruda

O peso e a mídia, de Agnes Arruda

Marca: Alameda Modelo: 2021 Referência: 978-65-86081-98-5

Características


  • Peso: 500 gramas
  • Páginas: 192 páginas
  • Medida: Altura: 01cm, Largura: 14cm, Comprimento: 21cm

Por:
R$ 48,00

ou 3x de R$ 16,64 com juros
Simulador de Frete
- Calcular frete

As faces da gordofobia

 

“Ela parecia flutuar”. Em êxtase, Agnes Arruda se depara com a Vênus de Willendorf no Museu de História Natural de Viena, Áustria. Era um encontro de deusas, mas talvez a pesquisadora, em franca catarse de se descobrir, ainda não se desse conta disso. E com razão. Afinal, há a inquietude doída de uma vida toda de não pertencimento. O preconceito ao corpo gordo fere como navalha na carne. Preconceito a uma mulher gorda, então? Por vezes vítima; outras, algoz de si mesma. Impossível dimensionar sem viver. E é justamente essa vivência que Agnes nos revela, com maestria, em “O Peso e a Mídia”. Fruto de irretocável pesquisa autoetnográfica, a autora nos coloca diante das muitas faces da gordofobia. Atenta e crítica ao apagamento do corpo da mulher gorda na mídia, aponta as raízes de uma sociedade gordofóbica ao longo do processo histórico da mutilação do feminino. Sua escrita rompe anos de silêncio sobre as piadas que ouviu na infância, as angústias de conflituosa juventude, a infinidade de padrões e clichês que deveria alcançar, na vida adulta, em troca de aceitação social. Muitas pessoas encontrarão nestas páginas tanto voz, quanto escuta. Outras terão, agora, uma oportunidade transformadora, quer pela empatia, quer pela representatividade, de empreender esta jornada pelo conhecimento. Este livro é o grito de liberdade da mulher que hoje parece flutuar... tinha que ser uma gorda!

 

Fafate Costa
Dra. em Memória Social. Pesquisadora de Estudos sobre as Mulheres.

Sobre a autora: Agnes Arruda sempre soube que era tratada diferente por causa do tamanho do seu corpo. Quando entendeu que o problema não estava nela, mas sim na gordofobia, nunca mais viu o mundo da mesma forma... E isso inclui os meios hegemônicos de comunicação. Jornalista, mestre e doutora em Comunicação, dedica-se a investigar e a denunciar a relação da gordofobia com a mídia. Hoje dá continuidade a este trabalho, extrapolando as barreiras da comunidade acadêmica, com o projeto Tamanho Grande, disponível como canal no YouTube, perfil no Instagram e também em podcast.

Deixe seu comentário e sua avaliação







- Máximo de 512 caracteres.

Clique para Avaliar


  • Avaliação:
Enviar
Faça seu login e comente.

Características


  • Peso: 500 gramas
  • Páginas: 192 páginas
  • Medida: Altura: 01cm, Largura: 14cm, Comprimento: 21cm

Confira os produtos