São Paulo, os estrangeiros e a construção das cidades

São Paulo, os estrangeiros e a construção das cidades
organizadores Ana Lúcia Duarte Lanna Fernanda Arêas Peixoto José Tavares Correia de Lira Maria Ruth Amaral de Sampaio

Preço: R$ 78,00 (690p.)
ISBN: 978-85-7939-102-6
Formato: 16 x 23- Brochura- 0,975kg

Compre online na loja Alameda Editorial


São Paulo, os estrangeiros e a construção das cidades

Resultado de um projeto coletivo de investigação de feitio interdisciplinar– cujo eixo estava dado pelas presenças estrangeiras, fundamentais nos processos de transformação física, demográfica, econômica, social e cultural da cidade de São Paulo desde finais do século XIX –, este livro retoma o tema já clássico da relação dos estrangeiros com as cidades, de uma perspectiva plural, do ponto de vista dos recortes temáticos e abordagens.

Evitando reduzir a multiplicidade de experiências que constitui o estrangeiro como categoria sociocultural à figura clássica do imigrante, associado à explicação dos processos de modernização urbano-industrial das grandes cidades americanas, os artigos que integram o volume buscam apreender a diversidade de formas do estrangeiro (imigrantes, viajantes, visitantes, residentes, nativos ou eternos estrangeiros) na heterogeneidade dos modos de viver, descrever e simbolizar o outro.

A maior parte dos artigos que integram este livro tiveram início neste projeto coletivo de investigação. Todos os textos foram apresentados e discutidos em reuniões, seminários e workshops do projeto temático/Fapesp São Paulo: os estrangeiros e a construção da cidade.

Sobre os Organizadores: Ana Lúcia Duarte Lanna é professora da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da USP, bolsista produtividade do CNPq e autora de Uma cidade na transição: Santos, 1870/1913 (1996).

Fernanda Arêas Peixoto é professora do Departamento de Antropologia da USP, bolsista produtividade do CNPq e autora de Diálogos brasileiros: uma análise da obra de Roger Bastide (2000).

José Tavares Correia de Lira é professor da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da USP, bolsista produtividade do CNPq e autor de Warchavchik: fraturas da vanguarda (2011).

Maria Ruth Amaral de Sampaio é professora da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da USP, autora e organizadora de A Promoção Privada de Habitação Econômica –1934/1964 (2002).

COMENTÁRIOS